Gestão de Estoque e Gestão de Produção: maximizando eficiência e lucratividade

A gestão de estoque e a gestão de produção são dois pilares essenciais para o sucesso de qualquer empresa que lida com produção e venda de bens ou serviços - e que busca operar com eficiência, competitividade e sustentabilidade. Ambas desempenham funções fundamentais na otimização dos recursos e no atendimento às demandas do mercado - garantindo, assim, o abastecimento adequado, a redução de custos operacionais e maior lucratividade. A união dessas duas áreas traz resultados diferenciados, sem dúvidas. Cada uma, claro, tem suas peculiaridades. A gestão de Produção refere-se ao planejamento, organização e controle das atividades de fabricação de uma empresa. Seu principal objetivo é garantir que os recursos sejam utilizados de forma eficiente para atender à demanda, mantendo a qualidade do produto. Uma produção bem gerenciada otimiza a utilização de recursos, proporciona mais eficiência de custos e se reflete em maior produtividade. Também agrega padrões de qualidade, evita atrasos, garantindo entregas dentro dos prazos e oferece a capacidade de ajustar a rotina conforme a demanda do mercado, flexibilizando a empresa frente a possíveis mudanças. Métodos como o Lean Manufacturing (focado em eliminar desperdícios no processo produtivo), o Kanban (que usa cartões ou sinais visuais para controlar o fluxo de produção e o abastecimento de materiais, evitando excessos e gargalos) e a adesão de automação para processos repetitivos são alguns dos mais utilizados para garantir uma produção linear, efetiva e qualificada. Atrelada à gestão de produção, a gestão de estoque, por sua vez, é o processo de planejar, organizar e controlar o armazenamento e movimentação de materiais ou produtos em uma empresa. O objetivo central dessa prática é encontrar o equilíbrio entre a oferta e a demanda, evitando tanto a escassez de produtos quanto o excesso de estoque, que pode levar a custos desnecessários e obsolescência. Essa área bem executada traz uma série de garantias à corporação, como por exemplo, a previsão de demanda (acompanhar as tendências e manter um estoque adequado ajuda a evitar falta de produtos e perdas de vendas), melhores condições de negociação com fornecedores (conquistando preços mais competitivos), redução de custos (estoque em excesso implica em despesas com armazenamento, busca, seguro e tripulação, que podem ser suprimidas) e, principalmente, a satisfação do cliente. São várias as estratégias que levam a uma gestão de estoque eficiente. Para ficarmos em alguns exemplos: a JIT (Just in Time) busca eliminar estoques desnecessários, receber insumos ou produtos apenas quando é preciso, atendendo custos e espaço de armazenamento; o método ABC classifica os itens de estoque em três categorias com base na sua importância e valor, permitindo uma gestão mais focada em itens críticos; a Revisão Periódica, que define intervalos de tempos fixos para reabastecer estoques e o Controle de Permanência, que atualiza o estoque em tempo real, ajudando a evitar faltas e excessos. A harmonização entre a gestão de estoque e a gestão de produção é fundamental para uma operação eficiente. A comunicação contínua entre as duas engrenagens permite uma visão abrangente das necessidades de abastecimento e da capacidade produtiva. Além disso, a adoção de sistemas de tecnologia da informação integrados facilita o compartilhamento de dados e informações essenciais em tempo real. Ao equilibrar a oferta e a demanda por meio de uma gestão inteligente de estoque, e otimizar a produção com práticas eficientes, as empresas podem alcançar melhores resultados. A integração dessas duas áreas é o caminho para se atingir a excelência operacional e manter a competitividade no mercado atual.

*Cristiano Chiminelli é professor da Fritz Müller – Hub de Conhecimento

Últimas Notícias

  • EDITAL DE CONVOCAÇÃO REUNIÃO DOS INSTITUIDORES

    EDITAL DE CONVOCAÇÃO REUNIÃO DOS INSTITUIDORES

    Fundação Fritz Müller (CNPJ nº 01 577 216/0001-87) EDITAL DE CONVOCAÇÃO REUNIÃO DOS...

    Leia mais
    Nos negócios, felicidade e lucro podem andar de mãos dadas

    Nos negócios, felicidade e lucro podem andar de mãos dadas

    Gosto de tratar a Psicologia Positiva como um movimento, porque entendo que é isso o que ela...

    Leia mais
    Especialista explica os impactos do Relatório de Transparência Salarial para além das questões técnicas

    Especialista explica os impactos do Relatório de Transparência Salarial para além das questões técnicas

    Segundo Ronaldo de Menezes, professor da Fritz Müller – Hub de Conhecimento, a lei traz à tona...

    Leia mais